31 de dezembro de 2010

Ora bem, isto sem primeiros e segundos e por aí fora. Estes são os melhores dos últimos três anos que vi este ano:

Lola (2009)
The Ghost Writer (2010)
Shutter Island (2010)
Copie Conforme (2010)
Kynodontas (2009)
Shirin (2008)
Les Herbes Folles (2009)
Tulpan (2008)
Poliţist, adj. (2009)
Synecdoche New York (2008)
Kinatay (2009)
Serbis (2008)
Gigante (2009)
El Cielo la Tierra y la Lluvia (2008)
Jerichow (2008)
Lake Tahoe (2008)
Süt (2008)
Postia Pappi Jaakobille (2009)
The Bad Lieutenant: Port of Call - New Orleans (2009)
Avaze Gonjeshk-ha (2008)
Lebanon (2009)
4 Copas (2008)
The Limits Of Control (2009)
Fish Tank (2009)
Cztery Noce Z Anna (2008)
A Zona (2008)
Un Prophète (2009)
The Imaginarium of Doctor Parnassus (2009)
Tetro (2009)
Gomorra (2008)
A Serious Man (2009)
The Messenger (2009)
Mary and Max (2009)

14 comentários:

Filipe disse...

A ausência de "Two Lovers" é um esquecimento, certo?

Álvaro Martins disse...

Não, o Two Lovers já o vi o ano passado. Estes são os que vi este ano.

Filipe disse...

Ah, ok, não me tinha apercebido desse pormenor... :P

E o "Mary and Max"??

Álvaro Martins disse...

Também gostei mas não me lembrei dele. Já o vou por eheh obrigado :)

Sam disse...

Admito surpresa em ver nesta lista o Shutter Island. É um filme que, embora bem filmado, possui um escasso poder de deslumbramento...

Cumps cinéfilos e Bom Ano.

Flávio Gonçalves disse...

Muito boa lista! Quero tanto ver alguns desses... eu também vi A Zona (um dos melhores filmes portugueses na minha opinião) este ano, só que não o pus na lista dado o critério escolhido.

Só não concordo com a inclusão do 4 Copas, que vi por sugestão do João e tua, e me desiludi; de Les Herbes Folles, que parece ter problemas comigo; e de A Serious Man.

O próximo dessa lista a ser visto será, provavelmente, o Poliţist, adj e o Lebanon.

Flávio Gonçalves disse...

Álvaro, já agora, conheces Carlos Reygadas?

Álvaro Martins disse...

Conheço o nome Flávio, mas nunca vi nada dele. Tenho aqui 3 filmes dele (o Japón, o Stellet Licht e o Batalla en el cielo), mas ainda não os vi porque tive problemas nas legendas (coisa fácil de resolver) com o Japón (salvo erro) e por desleixo nunca mais me lembrei. Já li muita coisa boa sobre ele ("descendência" do Tarkovsky então alicia-me muito). Está para breve a descoberta do mexicano.

João Gonçalves disse...

Ainda me faltam ver uns quantos daqui, mas sem dúvida uma excelente lista Álvaro.

DiogoF. disse...

Não os conheço todos, mas quanto aos que conheço, óptimas escolhas. Destaco The Ghost Writer, Shutter Island, Dogtooth, Copie Conform, Un Prophete e A Serious Man.

diogo disse...

Limites do Controlo é um dos filmes mais detestáveis que já vi, ainda assim referenciaste bons filmes, parabéns pela lista.
The Messenger vale a pena?

Neuroticon disse...

Álvaro, fazes-me sentir envergonhado! Acho que nem tenho direito de me achar cinéfilo pá... Desta lista não vi quase nada mesmo :)

Álvaro Martins disse...

Não concordo Diogo, The Limits of Control é para mim um grande filme. O The Messenger não é um grande filme mas é bom, vale a pena sim.

Neuroticon, não digas isso, de certo viste outros que eu não vi ;

diogo disse...

Limites do Controlo é o tipico filme que um adolescente faria, depois de saber que também pode ter opinião própria e depois de saber o potencial artistico que reside por de trás da metáfora. O pior filme que vi do ano