28 de julho de 2011

1 comentário:

Enaldo disse...

Clássico. Maravilhoso. Assisti-o há uns bons vinte anos atrás.

Estive em Paris. Agora eu sei como vocês europeus têm acesso a tantos filmes bons. Dá-lhe Fnac e Virgin, rs...