18 de fevereiro de 2010

A Serious Man (2009)

Gostei de ver o puto judeu a fumar charros, afinal, os judeus não são santinhos nenhuns!!! Gostei do non sense, da queda para um cinema à Woody Allen, da exposição ao ridículo que tão bem sabem fazer. Mas os Coen já fizeram melhor.

11 comentários:

Argonauta disse...

Eh pah eu vi este filme, a pensar que ia ser mais do mesmo, mas este filme tem muito que se lhe diga. Qual foi a tua interpretação do final?

Roberto F. A. Simões disse...

Estou ansiosíssimo para ver o novo dos Coen. A propósito, o que achaste do NO COUNTRY e quais são os teus favoritos dos cineastas?

Cumps.
Roberto Simões
CINEROAD - A Estrada do Cinema

Álvaro Martins disse...

Ó pá, o filme acaba com o acomodar da situação, com o retomar das vidas, depois da morte do Sy Ableman a mulher do Gopnik voltou para ele. Por isso, parece-me que a vida desta família continuou, tipo, os Coen filmam um episódio da vida desta família, um episódio em que a família esteve à beira do desmoronamento e devido à morte do Sy eles retomam o casamento, embora fique bem vincado a falta de paixão ou amor (como se lhe quiser chamar) entre este casal.

Argonauta disse...

Não era isso que queria dizer. Estou a dizer o final mesmo, o miúdo a olhar para o tornado(acho que era isso) e acabar assim.

O Homem Que Sabia Demasiado disse...

Tenho o filme aqui ao lado para ver. A ver se lhe pego este fim-de-semana ;)

Álvaro Martins disse...

Roberto,
não desgostei do No Country For Old Man, mas não é dos meus preferidos deles. Gosto muito do Fargo, do The Man Who Wasn't There, do Miller's Crossing e do Barton Fink.

Álvaro Martins disse...

Argonauta,
não compreendi bem, mas só vejo a relação/metáfora entre o tornado e toda a confusão que houve com aquele homem. O tornado a simbolizar a volta que a vida deu naquela família e principalmente em Gopnik. Foi a ideia com que fiquei.

Argonauta disse...

ya, eu quando vi o filme também pensei nisso, mas estava com vontade de ver qual seria a interpretação de outras pessoas. eu também estive o filme todo à espera que o gajo virasse maluco como o kevin spacey no american beuty, são os 2 muito parecidos LOL

Flávio Gonçalves disse...

Também eu estou muito ansioso por este. Mas estou a ver que a crítica não se rendeu... a chamada especializada, vá ;)

Abraço

Álvaro Martins disse...

Primeiro também pensei que podería passar-se, até mesmo matar o outro, mas com o desenvolvimento do filme vê-se logo que o gajo não é homem para isso, é o chamado corno manso :)

Ritinha disse...

Já fizeram bem melhor. Ainda assim é regalo vê-los À vontade para algo como isto.